Informe seu e-mail para receber nossa Newsletter:

Newsletter:

Notícias

TURISMO DE AVENTURA GANHA NOVO DESTINO NO MARANHÃO

TURISMO DE AVENTURA GANHA NOVO DESTINO NO MARANHÃO

Mas recentemente o que tem mais chamado atenção para o local é sua grande quantidade de cachoeiras. Ao todo são 25 quedas d´água com temperatura média de 21 ...




28.09.09

 

 

As belas paisagens da Chapada das Mesas, no sudoeste maranhense, compõem o cenário de produções recentes na TV e no cinema. Mais conhecida pelos graves problemas de incêndio nas matas, que por sinal agora em setembro voltaram a queimar o cerrado no Estado, a região é marcada pelas formações geológicas de arenito de mais de 60 milhões de anos. São morros cuja principal característica é ter superfícies planificadas por causa da erosão, com formatos que lembram mesas. Mas recentemente o que tem mais chamado atenção para o local é sua grande quantidade de cachoeiras. Ao todo são 25 quedas d´água com temperatura média de 21 graus.

 

 

Foi nesta paisagem que os primeiros capítulos de Cama de Gato, a próxima novela das 18 horas da Rede Globo, que estréia em 5 de outubro, foram gravados, com os atores Marcos Palmeira, Carmo Dalla Vechia e Isabela Garcia, em Riachão e Carolina.

 

 

Na trama acontece a perseguição ao personagem Gustavo, um perfumista de perfil arrogante, interpretado por Palmeira. Uma das cenas de maior expectativa é a que mostra o perfumista sendo atingido por um tiro na Cachoeira Santa Bárbara e é dado como morto.

 

 

De acordo com Marcos Palmeira, as gravações foram marcantes. "A Chapada das Mesas é um dos lugares mais lindos que já vi na vida. O centro histórico da cidade de Carolina também é uma graça. Pena que a região sofre com o descaso e a falta de infra-estrutura", afirma o ator.

 

 

Flor de Abril

 

 

Além da TV, o cenário da Chapada das Mesas está presente no novo filme do cineasta Cícero Filho, intitulado "Flor de Abril", com cenas gravadas em Poço Azul e na Igreja da Matriz da cidade de Riachão. Nas gravações, moradores da comunidade atuaram como figurantes. O filme deve ser lançado em janeiro de 2010. A expectativa é de que as produções audiovisuais tornem o lugar mais conhecido nos próximos meses.

 

 

E para potencializar o turismo local, o Sebrae tem feito um trabalho sistemático de profissionalização, em parceira com governos locais e empresários do setor. A iniciativa mais recente foi a divulgação do roteiro na "Adventure Sport Fair", considerada a maior vitrine de esporte e turismo de aventura da América Latina. A feira foi realizada no começo de setembro em São Paulo. Os resultados da divulgação nesse evento são bastante promissores.

 

 

De acordo com o gestor de turismo do Sebrae na Chapada das Mesas Luís Marques, foi muito grande o número de visitantes no estande da feira, em busca de informações sobre os atrativos. "Fizemos contatos com muitas operadoras e agências. Certamente em breve surgirão novas parcerias que vão movimentar o turismo da região".

 

 

APL de turismo

 

 

O Sebrae atua na região como um Arranjo Produtivo Local de Turismo, cujos resultados são visíveis a cada dia, como mostra pesquisa encomendada pela Instituição para analisar o crescimento em Carolina. A oferta em número de unidades habitacionais saltou, de 168 em 2005, para 225 apartamentos em 2007. Já a taxa de ocupação-cama aumentou de 28% para 37% e a entrada de turistas teve crescimento de 31,5% no mesmo período.

 

 

Já o processo de consolidação do turismo na cidade de Riachão teve início praticamente no começo de 2009 e ainda tem muito trabalho pela frente, mas está no caminho certo. "Queremos lançar novos desafios e deixar mais recomendações para voltarmos aqui novamente daqui a três anos. Acredito que o crescimento do turismo na região será bem maior", prevê o diretor-técnico do Sebrae Nacional, Luiz Carlos Barboza.

 

 

Ecoresort

 

 

Um dos empresários que mais investem no turismo da região é Pedro Iran, proprietário da Pipes, empresa do ramo metal mecânico e de transportes. Segundo o engenheiro de obras da Pipes, Augusto Lucena, está sendo construído em Pedra Caída, no município de Carolina, um ecoresort de 13 mil metros quadrados, composto de 36 chalés, 24 apartamentos e um centro de convenções para 300 pessoas. Ao todo, o projeto custará R$ 14 milhões e ficará pronto em 2011.

 

 

Além disso, em Pedra Caída será construído um pólo de asa delta. "Pretendemos transformar o lugar num dos pontos mais visitados do País pelos amantes do esporte", informa Lucena. Um grande desafio na empreitada, no entanto, é enfrentar a queimada nas matas. Mas com apoio do Instituto Chico Mendes, os focos de incêndio têm diminuído.

 

 

Dança do Fogo

 

 

Novas atrações já são estudadas para o ano que vem em Pedra Caída. "Eu creio que terei oportunidade de em breve mostrar aos turistas um pouco da nossa cultura, com demonstrações da Dança do Fogo e a Dança da Iniciação", antecipa o índio Fredson Krikati, que integra a equipe de monitores ambientais da região. As apresentações devem acontecer a partir do início de 2010, em noites de lua cheia na região de Pedra Caída, com a participação de oito índios. Cada espetáculo, iluminado por tochas, deve reunir grupos de, no máximo, 25 turistas.

 

 

Já na cidade de Riachão, os trabalhos começaram somente este ano. "Estamos mobilizando toda a população para a importância das nossas belezas naturais e de como o turismo é fundamental para Riachão. Vamos promover até concurso de redação para o ensino fundamental tendo como tema o município", afirma Beto Kelner, secretário de Turismo local.

Segundo Kelner, um cinema está sendo construído na cidade, que vai funcionar com entrada gratuita. Só serão cobrados a pipoca e o refrigerante. A programação do cinema será abastecida pela Programadora Brasil, que distribui filmes nacionais para serem veiculados em espaços não comerciais.

 

 

Como chegar?

 

 

A forma mais rápida de chegar à Chapada das Mesas é pegar um vôo até Imperatriz (Tam e Gol operam vôos diários) e de lá percorrer 220 quilômetros de carro ou ônibus até Carolina pela BR 010.

 

 

A Cia do Cerrado Ecoturismo oferece pacote para a Chapada das Mesas com duração de quatro dias e três noites. Hospedagem na Pousada do Lajes (www.pousadadolajes.com.br), em Carolina. Quarto com TV e frigobar. Café da manhã incluso. Passeios em veículo 4x4 para cachoeiras, guia local e seguro viagem. Translado Imperatriz/Carolina/Imperatriz. Aéreo não incluso. Valor: a partir de R$ 1,2 mil por pessoa (apto duplo). Informações: (99) 3531-3222 e 8122-0316 - www.ciadocerrado.com.br

 

 

 

Referência: www.bemparana.com.br

 

 

 

 


Voltar

PUBLICIDADE